Anmá

Apesar de ser apontada como técnica chinesa, a origem da massagem anmá é controversa, pois algumas fontes relatam que sua origem pode ser indiana. Além disso, é possível ver versões diferentes quanto a época em que a terapia foi criada e se difundiu para outras regiões como o Japão.

Quanto a origem do nome, a maioria das fontes concordam que o termo anmá é um nome de origem chinesa em que “an” representa algo como apertar e “ma” esfregar, como se descrevesse as características da massagem.

Como boa parte das terapias orientais, a anmá se baseia no conceito de que o corpo humano possui uma energia conhecida como ki ou chi e que o desequilíbrio dessa energia acarreta em problemas de saúde. De modo geral, a anmá pode ser aplicada como forma de terapia para aliviar tensões pelo corpo, dores, ansiedade, fadiga entre outros problemas causados pelo excesso do esforço físico e emocional ou pelo stress acumulado.

Apesar de ser uma terapia muito antiga, a massagem anmá, se tornou bastante popular em diversos países e atualmente no Brasil, é possível encontrar terapeutas que utilizam essa técnica em seus tratamentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *